Como será o mercado de trabalho pós-pandemia?  Confira as principais profissões que devem ficar em alta

Publicidade

Sabemos que o mundo não será mais o mesmo depois da pandemia causada pelo COVID-19, afinal a doença interrompeu a vida de centenas de milhares de pessoas em todo o planeta sendo considerada a pandemia mais letal depois da Gripe Espanhola em 1981. Por isso seu considerável impacto negativo alcançou todos os níveis sociais bem como todas as categorias de empresas.  Pois diante da drástica queda de vendas e consequentemente receitas as empresas tiveram que dispensar boa parte de seu quadro de funcionários.

No entanto, mesmo os profissionais que mantiveram seus empregos, porém como mudanças como, por exemplo, redução de salário, jornada e adaptação ao home office procuram saber como tornarem-se peças chaves na empresa em que trabalham. Consequentemente também procuram por inovação em suas profissões para que possam ter a garantia de alcançarem novos patamares na carreira. Posteriormente, o público que se prepara para ingressar no mercado de trabalho ou estudos também carrega consigo uma das perguntas mais citadas em grupos de futuros estudantes ou cidadãos desempregados: “Como será o mercado de trabalho depois da pandemia”? “Em qual área ingressar”?

Pensando nisso, a equipe Ideal Empregos estudou cuidadosamente o que dizem os especialistas sobre o que virá depois do marco histórico conhecido como Pandemia do Coronavírus. Então acompanhe este conteúdo e saiba detalhes do futuro mercado profissional.

Tudo está mudando muito rápido

Acima de tudo, especialistas afirmam que as mudanças são simplesmente repentinas e por isso é preciso precaução ao definir com tanta certeza destaques no mercado de trabalho e profissional depois da crise. Entretanto o que se sabe é que poucas profissões serão as mesmas depois de tudo isso, contudo é imprescindível que todas as áreas precisarão flexibilizar suas ideias com o intuito de se prepararem para o impacto tecnológico.

Em outras palavras, será preciso inovar e criar de uma vez por todas, pois ainda que se inove será necessária a criação de soluções para possíveis problemas que está por vir. Portanto é exatamente aí que o mercado abraçará os profissionais criativos que possuam resiliência. Então seja qual a for a área escolhida para ingressar, mergulhe e atue com garra. E por falar em escolher, confira a seguir as profissões que poderão ter muito espaço no mercado pós-pandêmico:

Publicidade
PROFISSÃOÁREA
Profissional de CibersegurançaTecnologia
Profissional Customer ExperienceTecnologia
Profissional de Big DataTecnologia
Profissional de TI (Tecnologia da Informação)Tecnologia
Especialista em NuvemTecnologia
Planejador FinanceiroFinanças
Diretor ComercialFinanças
CFO (Diretor financeiro)Finanças
Assessor de InvestimentosFinanças
Profissional de Recursos HumanosRH
Enfermeiros e técnicos em enfermagemSaúde
Terapeuta e psicólogoSaúde

Tendências

Depois disso os especialistas também ressaltam que há três áreas que se destacarão cada vez mais nos próximos anos, que são: saúde, tecnologia e finanças. Afinal já vinham se destacando no mercado nos últimos anos em especial a segunda.

Consequentemente a migração para o virtual é inevitável e empresas terão de migrar para a atualidade e assim terão uma quantia enorme de dados para processar, portanto a profissão de cibersegurança, por exemplo, será um serviço essencial para empresas. Além disso, o mundo online recebe milhares de novos usuários diariamente, ou seja, proporcionar uma navegação segura  oferecerá uma imagem positiva para o vendedor online, e assim venderá mais.

O futuro é já!

Em suma a pandemia claramente antecipou muita coisa, acelerou muitas áreas que caminhavam com lentidão, desencalhou muito projeto além de revolucionar a alfabetização digital, inclusive fez com que muitos profissionais se tornassem pesquisadores de novas habilidades.

Mesmo profissionais da área administrativa e direito por exemplo, precisam entender e por em prática a nova linguagem digital que revoluciona constantemente a era do ON (online). Portanto é preciso estar envolvido no tech skills (habilidades tecnologias), pois será útil em toda e qualquer profissão.

Depois disso, outro ponto bastante interessante é que especialistas ressaltam que habilidades futuramente prioritárias em aproximadamente dez anos se anteciparam desde maio deste ano, com o surgimento da pandemia. Pois a inteligência emocional não estava sendo tão importante e praticada em massa há muito tempo. Afinal crises são muitas vezes constantes e consequentemente será sempre preciso desenvolver novas habilidades para novos cenários desafiadores.

Publicidade