Disciplina. Você a tem? Veja como desenvolvê-la em simples passos

Publicidade

Para muita gente a palavra disciplina é sinônimo de “chatice” e até mesmo excesso de regras e subordinação. Em outras situações é muito comum que se refiram à disciplina com o famoso oito ou oitenta, como por exemplo, “é para mim” ou “não é para mim”, tenho ou não tenho, gosto e não gosto sou ou não sou alguém disciplinado. Sendo assim, o que praticamos no dia a dia, é boa parte do que serremos também profissionalmente falando.

Contudo é fato de que as coisas não funcionam bem assim. Acredite! Afinal a disciplina é algo que se desenvolve e não questão de ter nascido ou não com ela, ou seja, ser disciplinado está ao alcance de todos. Afinal ser disciplinado ressalta, floresce e destaca inúmeros fatores positivos de quem a pratica, pois também é uma das chaves para se sentir na direção de situações aparentemente fora de controle.

Posteriormente ser disciplinado ajuda a diminuir ansiedade e muitas outras doenças que a geração atual desencadeia em toda a população de qualquer idade. Então com base neste assunto elaboramos ótimas dicas a serem praticadas no momento tão delicado que passamos além de se encaixar perfeitamente aos profissionais que estão trabalhando remotamente, ou seja, home office. Portanto se você se considera indisciplinado ou até possui mas anda um pouco descontraído no quesito, acompanhe este artigo com ótimas dicas sobre!

Automatize sua disciplina com repetição

Primeiramente não se esqueça de que disciplinar-se demanda tempo e esforço, por isso não espere apenas ler dicas, praticá-las e esquece-las em semanas. Isso significa que simples hábitos diários como, por exemplo, arrumar a cama todos os dias pode ajudar claramente do desenvolvimento da disciplina em todos os setores da vida.  Depois disso sabemos que uma rotina matinal bem estabelecida proporciona além de produção, sensação de auto eficácia.

Contudo o que está por trás de tudo isso são a criação e prática de hábitos saudáveis, afinal o poder da repetição é o gatilho para por em prática atividades de grande importância. Pois a rotina é uma simples maneira para organizar-se fisicamente e mentalmente, logo isso se torna a base da disciplina.

Publicidade

Em meio à quarentena, é possível manter-se dentro dos hábitos que já praticava ainda que seja um pouco difícil e um tanto quanto estranho inicialmente. A ideia não é se cobrar e ser hiperativo ou encher a agenda de novas demandas e sim criar novos rituais para usá-los como gatilho para impulsionar afazeres que sejam realmente importantes.  Depois disso elabore uma rotina de trabalho, estudo, atividade física e assim por diante com começo, meio e fim. Nela determine sequências de simples atos e pratique-os diariamente como lavar as mãos, tomar um café, organizar a mesa ou ambiente de trabalho, agradecer por algo, etc. Simples, banal mesmo!

Pratique regularmente o que não agrada

Na grande maioria das pessoas a disciplina não é algo natural e sim uma escolha. Consequentemente torna-se muito agradável praticar a disciplina com algo que goste o problema claramente estará no que não se gosta, certo! No entanto é necessário entender que a disciplina faz parte de todos os setores da vida para que se alcance o sucesso.

Portanto o ideal é entender que antes de qualquer coisa é imprescindível saber o que realmente almeja e depois disso disciplinar-se será apenas um fator que fará parte do objetivo que deseja alcançar naturalmente.

Observe-se e saiba lhe dar com o medo e a ansiedade

Muito se fala sobre a vulnerabilidade nos últimos tempos não é mesmo. Contudo o atual momento nos faz confrontar constantemente com a nossa vulnerabilidade e não apenas como indivíduos como na sociedade também. E ainda que o isolamento mude muita coisa, não se esqueça de que é preciso olhar para fora da bolha.

No entanto sabemos que não é tão fácil assim, afinal isso gera determinados desconfortos como medo e ansiedade e naturalmente tendemos a fugir, apesar de saber que este não é o caminho certo a seguir. Portanto é preciso saber que para desenvolver autodisciplina na atual fase em que o mundo inteiro se encontra é necessário aprender a entender o cenário em que vive e consequentemente lhe dar com as emoções.

As primeiras dicas citadas são de grande importância e representam grande parte do processo, porém sem a saúde mental em dia não há desenvolvimento de sucesso. Portanto observe, estude e entenda suas angustias e dores encarando tais sentimentos como parte do processo e desenvolvimento de sua inteligência emocional. Complemente o processo de disciplinar-se com o autoconhecimento que refletirá positivamente em todos os setores da vida.

Para concluir não se esqueça de que o processo é trabalho de formiguinha por excelência. Valerá a pena!

 

Publicidade